13.4.09

Um Poema de Walt Whitman

Quem visita este museu sabe que não costumo publicar textos de outras pessoas, mas hoje abro uma exceção. Um poema de Walt Whitman que revela um tanto da esperança e beleza que tanto aprecio.

As Adam, Early In The Morning

AS Adam, early in the morning,
Walking forth from the bower, refresh'd with sleep;
Behold me where I pass--hear my voice--approach,
Touch me--touch the palm of your hand to my Body as I pass;
Be not afraid of my Body.

- Walt Whitman

8 comentários:

célia musilli disse...

Theo, eu adoro Whitman pelo que ele contém de esperança...falando nisto, eu soube lá pelas bandas do blog do Marco Pardim que vc vai ser pai...Que maravilha! Eu tenho filhos gêmeos, têm 12 anos, que deram um sentido novo à minha vida.

Desejo toda a felicidade pra vc, a mãe e a filha!!! Um beijo!

Theo G. Alves disse...

célia,
o whitman sempre me comoveu da melhor forma possível.

e é verdade. tem garotinha chegando por aqui. e a felicidade é enorme.

nós três agradecemos e retribuimos o beijo!

Moacy Cirne disse...

Oi, meu caro,
você já deve ter visto no Balaio uma enquete sobre 10 POETAS POTIGUARES da especial estima de cada um. De Currais Novos, se não me falha a memória, Iara, Wescley e Maria José já participaram com suas listas. Por que você não envia a sua (para balaio86@oi.com.br)? Eu a publicaria com o maior prazer. Um grande abraço e parabéns pela lembrança de Whitman.

Theo G. Alves disse...

Moacy, meu caro, a lista já está pronta! eu tenho acompanhado os nomes que aparecem por lá e fiquei um bocado feliz por ter visto meu nome miúdo citado entre gente tão boa, como fez Iara.
Vou enviar a lista agora.

Abraço!!

Patrícia Lara disse...

Olá!

Descobri seu blog por acaso, pelo blog "Flores do Seridó" e gostei muito daqui.

Voltarei mais vezes para ler os seus escritos.

Grande abraço,
Patrícia Lara

Theo G. Alves disse...

Patrícia,
sinta-se em casa. quem entra por belas portas é duplamente bem vinda.

Um grande abraço!

Claudinha ੴ disse...

Olá Theo!
Um belo poema. Gosto de poemas que falam de sensações que fundem corpo e alma. Me lembrou uma canção que adoro! Touch me in the mornig, com a Diana Ross.
Beijo.

Theo G. Alves disse...

claudinha,
essas coisas sao bonitas mesmo.
um grande beijo!